Para quem gosta peixes de água doce , nossa dica e Rancho do Rio Doce localizado na Aclimação em São Paulo, um bairro discreto um dos únicos restaurantes especializados exclusivamente em peixes de água doce, na cidade que nunca provou, vai adorar.

A frente do negócio está o senhor Koji Sakaguchi. Japonês, veio para o Brasil há mais de 50 anos e há cerca de 13, dedica sua vida para produzir os pratos , exclusivamente com peixes de água doce, trazidos semanalmente, em sua maioria, de diversos estados do Brasil e países vizinhos. “Um amigo meu apaixonado por pescaria me levou em um lugar em Mogi das Cruzes e me apresentou este universo… Fiquei encantado e decidi trazer para a capital”, conta o empresário.
O grande destaque fica por conta , onde tivemos oportunidade de degustar foi peixe Pirarucu , conhecido como o “gigante das águas doces, o Pirarucu é um dos maiores peixes fluviais e lacustres do mundo e pode chegar a medir 3 metros e pesar 300kg. degustamos o Pirarucu de 13 kg , foi assado durante cinco horas enrolado em folha de bananeira , temperado com somente sal da casa e farofa, este prato para 20 pessoas , sinceramente foi uns dos peixes mais deliciosos que ja degustei somente por encomenda , companha arroz e Pirão.

Koji Sakaguchi
Foto Wellington Nemeth –

Restaurante com decoração rústica  com ambiente familiar. As mesas de madeira dispostas no salão, um balcão com cobertura de sapê, esculturas de madeira e imagens de peixes na decoração, passam a sensação de estar fora da selva de pedra.

No cardápio, dá vontade de degustar tudo, os Combinados (Costela de Tambaqui grelhada no carvão ou frita, salada mogiana, arroz e pirão) (R$115), (Filé Mignon de Pirarucu, com salada mogiana, arroz e pirão) (R$138), (Pintado na brasa no espeto, salada mogiana, arroz a grega e molho tártaro)(R$118), (Filé de Pintado frito ao molho de tomate e legumes)(R$108) e (Traíra frita inteira no tacho) (R$66,50 / 700g). Como entrada, os mais pedidos são os Caldos de Traíra (R$16) e de Piranha (R$18,50/sob encomenda). com tanta variedades somente mesmo na Amazônia

Entre os pratos principais, clássicos do restaurante como as moquecas de Pintado (cozido tradicional do Rancho à moda capixaba, com banana da terra, acompanhada de arroz e pirão) (R$119) e a de Pirarucu (cozido tradicional do Rancho à moda capixaba, com banana da terra, acompanhada de arroz e pirão)(R$135). Extremamente saborosos, servem duas pessoas.

Porção de Tilapia Frita
Foto Wellington Nemeth

De segunda a sexta, no almoço, é oferecido o menu executivo com sugestões fixas como Fish&Chips (salada, Pangasius, fritas e arroz) (R$27,50), Traíra (salada, traíra frita, arroz e pirão)(R$29), Costela de Pacu e Isca de Merluza (salada, misto de costela de pacu e isca de merluza, arroz e pirão)(R$29), Costela de Tambaqui (grelhada no carvão, salada arroz e pirão)(R$31) e Parmegiana de Pangasius (com salada, arroz e fritas)(R$31,50).

Para “beliscar”, a casa traz porções como Asinha de Pintado (R$34), Isca de Tilápia Nobre (Não parar de comer ) (R$38/grande e R$24/meia), Rã (R$46), entre outros.

Na carta de bebidas, caipirinhas, cervejas, destilados, saquê, licores e drinks bem brasileiros como Batida de Cajá (R$16,50), Cupuaçu (R$17,50) e Graviola (R$17,50). Todas estes com cachaça.

Para finalizar, sobremesas como Pudim de leite condensado (R$13), Mousse de Chocolate (R$13) e Petit Gateau com sorvete e calda de framboesa (R$18,50) estão entre as opções.

*Os pratos com traíra tem preços variáveis (de acordo com o peso do peixe).
Recomendamos pela experiência de degustar diferentes peixes de água doce, sabor diferenciado, como textura firme, principalmente saboroso.

Rancho Rio Doce

Rua Machado de Assis, 556, Vila Mariana. Tel: (11)5571-3051. Horário de funcionamento: Segunda das 12h às 15h. Terça a quinta 12h às 15h, 18h às 23h. Sexta das 12h às 15h, 19h às 24h. Sábado das 12h às 16h, 19h às 24h. Domingo e feriados das 12h às 17h. Aceita todos os cartões. Aceita ticket. Rolha R$40. Estacionamento R$10 (de segunda a sexta) e R$15 (sábado e domingo).

Compartilhe nas redes sociais!

0 Comments Join the Conversation →


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *